NOTÍCIAS

08/09/2020  |  Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol do Amazonas

Marcelo Amil deixa cargo de defensor-geral do TJD para concorrer à Prefeitura de Manaus

Foto: Ascom/TJD-AM

No cargo desde 2018, o advogado salienta que deixa uma paixão, que é o esporte local, para se dedicar a outra: a cidade de Manaus.

 Em sessão especial na tarde desta terça-feira (8), o candidato do Partido Comunista do Brasil (PcdoB), Marcelo Amil, oficializou o seu pedido de licenciamento do cargo de defensor-geral do Tribunal de Justiça Desportivo (TJD). No cargo desde 2018, o advogado salienta que deixa uma paixão, que é o esporte local, para se dedicar a outra: a cidade de Manaus. 

 

 
"Fui eleito por unanimidade em junho de 2019, com uma votação entre os membros do tribunal pleno. Foram dois anos de dedicação ao esporte amazonense, que é uma das minhas grandes paixões. Agora, eu vou me dedicar a outra paixão, que é a cidade de Manaus. Vou lutar por uma Manaus com oportunidades para as pessoas. A gente sente a dor que é para uma pessoa que não consegue um emprego no mercado de trabalho. A gente sente a dificuldade que é usar o transporte coletivo sucateado da cidade. A gente sabe, acima de tudo, do anseio da população que sonha em ver uma Manaus diferente, com gestão qualificada. Manaus é nossa, Manaus é do povo!", enfatizou o candidato a prefeito.
 
 
Durante a trajetória frente à Defensoria, Marcelo Amil defendeu clubes, atletas e dirigentes que não podiam pagar por uma defesa particular. Ele foi peça importante de acontecimentos do esporte amazonense ao longo dos últimos dois anos. No discurso, o advogado não conteve as emoções ao lembrar da sua trajetória e dos desafios que vai enfrentar nos próximos meses.
 
 
"Eu me sinto aqui honrando tudo o que a minha vó fez por mim. Eu sempre digo que a minha avó me ensinou a sonhar também. A buscar voos mais altos. Eu me afasto da Defensoria para perseguir mais um sonho. Eu enxergo que com o exerício do poder, você pode mudar a vida das pessoas. Cada um de nós pode pegar uma pessoa, como um menino no semáforo, por exemplo, e dar uma vida melhor para ele. Ajudá-lo a mudar de vida com oportunidades efetivas, mas a única maneira de você ajudar uma comunidade inteira é através do processo político. Eu enxergo isso, e estou me afastando para cumprir essa tarefa", declarou.
 
 
A sessão, que foi transmitida no site e no Youtube do TJD, contou a participação de autoridades e de representantes dos principais times do futebol amazonense, entre eles: Edson Rosas Júnior , presidente do TJD; Rodrigo Novaes do Manaus Futebol Clube; Antônio Policarpo Rios da Federação Amazonense de Futebol (FAF)
 
 
 
 
Ascom/TJD-AM

MAIS NOTÍCIAS

TRIBUNAL DE JUSTICA DESPORTIVA DO AMAZONAS
Rua Rio Purús, n° 29 - Conjunto Vieiralves
Tel.: (92) 3199-4242
Copyright © TJDAM 2018-2020. Todos os direitos reservados.